Quem sou eu

Minha foto
Sou escritora e atriz. Adoro ler, escrever, assistir a filmes e ir ao teatro. Escrevi dois livros "A ilha e a menina" e "Livremente Mara", que virou peça de teatro e estreia no final deste ano.

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

A quase interrupção da correnteza

A quase interrupção da correnteza

Acordei de manhã
O sol aponta tímido
na multidão de nuvens carregadas.

Estendi as minhas roupas no varal,
Elas se largam consoladas
ao breve calor do dia.

Escrevi no meu diário:
Ai que vida!
Ela para aqui ou continua?

Sentei na beira de um rio,
como é possível interromper a correnteza dele?
meus dias passam devagar,
como riacho que tem preguiça de chegar até o mar.

Raquel de Souza

Nenhum comentário:

Postar um comentário