Quem sou eu

Minha foto
Sou escritora e atriz. Adoro ler, escrever, assistir a filmes e ir ao teatro. Escrevi dois livros "A ilha e a menina" e "Livremente Mara", que virou peça de teatro e estreia no final deste ano.

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Manifestação por justiça, por uma vida melhor


Tenho um trabalho que fico o dia inteiro em frente a uma tela de computador. Nos intervalos entre uma demanda e outra, entro nos noticiários. É só manifestação, a violência da polícia contra os manifestantes. O que será de nós? Me pergunto. Eu, que estou tão ensimesmada com os meus problemas pessoais de repente acordo e percebo que as minhas pendengas são replicadas milhões de vezes nas costas dos brasileiros. Trabalhar muito, ganhar pouco, ter que diminuir o padrão de vida para pagar as contas. Até quando? Até quando vamos ter que trabalhar, derramar nosso suor para simplesmente molhar a terra e enriquecer mais ainda quem é rico? Se eu fosse nesse protesto (e acho que vou), não vou lutar pelos 0,20 centavos a mais na passagem, embora esses vinte centavos a mais no transporte público se convertesse em pelo menos 30 reais a mais em gasolina, já que ela subiu enormemente nos últimos tempos. Tudo vai aumentando o preço, menos a salário. Estamos no meio de uma crise e a mídia falando que a economia vai bem. Vou protestar porque não aguento mais trabalhar tanto e ainda ficar devendo no fim do mês.

Nenhum comentário:

Postar um comentário